Houston na web Youtube Flickr RSS

Blog Vou de Bike

Postado em 17 de junho por Eu Vou de Bike

Tags:, ,

Dicas de manutenção: pneus e corrente

Corrente

Uma bicicleta bem ajustada e com a manutenção em dia é silenciosa e deixa seu passeio muito mais prazeroso e seguro.

Neste post, vamos explicar como calibrar seu pneu e lubrificar sua corrente para diminuir as chances de imprevistos e aumentar a durabilidade de sua bicicleta. Essa manutenção pode ser feita na sua casa, com uma periodicidade semana, especialmente a calibragem dos pneus.

Calibrando o pneu

Para se calibrar os pneus, o ideal é que tenhamos alguma forma de medir a pressão a ser inserida, uma vez que cada pneu tem uma pressão correta e única. Na lateral do pneu está impresso o valor da pressão a ser inserida, conforme a foto abaixo:

No caso deste pneu, a pressão ideal é de 36 PSI. No nosso caso, utilizaremos uma bomba de pé, facilmente encontrada nas boas bikeshops, e que já possui um marcador de pressão, conforme foto abaixo. Mas a maioria dos postos de gasolina também possuem este marcador, facilitando a calibragem do pneu.

Acompanhe o vídeo abaixo e lembre-se de calibrar seus pneus semanalmente!

Limpando e lubrificando a corrente

Para limpar e lubrificar a corrente, devemos dispor dos seguintes itens:
1-) Pano (não muito felpudo)
2-) Solução desengripante
3-) Óleo próprio para correntes de bicicleta (encontrado em bike shops e magazines de esporte)
4-) Escova de dentes usada

1-) Com um pano seco e relativamente limpo, que não deve ser muito felpudo para não “soltar pedaços” na corrente, nós vamos inicialmente realizar a limpeza do estado em que a corrente se encontra, umidecendo o pano com a solução desengripante.



2-) Deve-se envolver a corrente com este pano, passando ele por toda a corrente por cerca de duas vezes, até retirar toda a sujeira. O ideal é deixar a roda traseira livre, para que com a mão possamos “pedalar” a bike fazendo com que o pano “esfregue” a corrente de maneira mais eficiente.

3-) O próximo passo é umedecer a escova de dentes com a solução desengripante e realizar a limpeza das pequenas catracas do câmbio traseiro, do lado externo e interno. Após limpar estas peças, podemos também limpar o restante do câmbio traseiro como um todo.

4-) Após estes procedimentos de limpeza é que nós damos início ao processo de lubrificação. Selecionamos um óleo especial para correntes de bicicleta (facilmente encontrado nas bike shops e grandes lojas de material esportivo) e começamos a dispensar uma gota em cada elo da corrente. Neste procedimento é importante que toda a corrente seja lubrificada, não esquecendo nenhum elo.

5-) Após a lubrificação completa da corrente, pedale algumas vezes para retirar o excesso do óleo.

Veja no vídeo abaixo o processo completo de lubrificação da corrente:

Pronto! Sua transmissão está limpa e lubrificada!

* Agradecemos à loja Bike Time e a seu chefe de mecânica, o Luciano, mais conhecido como Lucky Luciano, por concederem o espaço e os materiais para a realização deste post.


Comentário

  • Muito bom este post, mas tenho uma maneira mais rápida e eficiente pra lavar a corrente da minha bike. Antes fazia como postado aqui, mas demorava muito para terminar o serviço e eu manchava o quadro todo (sou bem desastrado). Eis o que faço: com um compressor daqueles de lavar carros, dou um jato de cima para baixo na corrente e depois em cada um dos lados. Vou fazendo isso e rodando a corrente pra atingir todo seu comprimento. Só não coloco o jato muito fino, pois pode danificar a corrente e se acertar no quadro, adeus pintura! Uso sempre em leque, na menor pressão que der, mas que ainda tire a sujeira. Faço o mesmo com o câmbio, pedevela e outras partes móveis, inclusive no movimento central. É importante não colocar muita pressão para não danificar a vedação, pois alguns desses compressores são extremamente fortes. Pra regular a pressão é só aumentar a distância do jato a corrente. Quando a sujeira começar a sair, a pressão está adequada. Depois de enxuta, é só lubrificar e remover o excesso com um pano. Já ouvi falar que o famoso WD 40 é inadequado para lubrificar, pois pode corroer a vedação dos elos ou algo muito complicado para prestar atenção. O fato é que o óleo próprio para bike seja usado ou óleo de máquinas (Singer), e para tirar a sujeira use querosene. Essa última parte não tenho certeza, mas como lavo com água sob pressão não me importo muito com isso! Espero ter contribuído!

    Marcelo B. Lima pedalandonailha.blogspot.com
  • Este blog de vocês é demais. Sigo vocês no twitter e adoro as dicas. Moro em Curitiba e vou de bike para o trabalho. Os seus posts são muito úteis. Valeu!!

    Denise twitter.com/dedasoares
  • [...] This post was mentioned on Twitter by Guga Machado, euvoudebike.com. euvoudebike.com said: Bom dia! Publicamos um ótimo "passo a passo" para você que quer limpar e lubrificar a corrente da sua bike: http://bit.ly/d1gKmp [...]

    Tweets that mention Eu Vou de Bike – Bicicletas, Lazer e Transporte Urbano » Dicas de manutenção: pneus e corrente — Topsy.com topsy.com/www.euvoudebike.com/2010/06/dicas-de-manutencao-pneus-e-corrente/?utm_source=pingback&utm_campaign=L2
  • Gostei do artigo, é uma maneira prática e fácil.

    Raimundo Djalma Souza
  • Muito obrigado por essa dica. Pedalei uma BMX quando criança, a consciência com os cuidados com a bicicleta era bem menores, resumindo-se a encher o pneu no posto, heheheh.

    Recentemente comecei a pedalar, tenho lido sobre os assuntos relativos, mas me peguei com uma dúvida bem boba, praticamente conceitual: calibrar e encher o pneu é a mesma coisa?

    Obrigado.

    Bruno
  • Muito obrigado por essa dica. Pedalei uma BMX quando criança, a consciência com os cuidados com a bicicleta era bem menor, resumindo-se a encher o pneu no posto, heheheh.

    Recentemente recomecei a pedalar, tenho lido sobre os assuntos relativos à bike, mas me peguei com uma dúvida bem boba, praticamente conceitual: calibrar e encher o pneu é a mesma coisa?

    Obrigado.

    Bruno
  • [...] 11-) Encha o pneu, procurando respeitar a medida impressa na lateral do mesmo, conforme explicado neste post [...]

    Eu Vou de Bike – Bicicletas, Lazer e Transporte Urbano » Como trocar o pneu furado da bicicleta euvoudebike.com/2010/08/como-trocar-o-pneu-furado-da-bicicleta
  • [...] no vídeo é o paraciclo com bomba de ar acoplada. É uma ótima opção para você dar uma calibrada no pneu antes de voltar a [...]

    Eu Vou de Bike – Bicicletas, Lazer e Transporte Urbano » Criatividade para estacionar a bicicleta euvoudebike.com/2010/08/criatividade-para-estacionar-a-bicicleta
  • [...] é só encher a câmara e o remendo está concluído. Os procedimentos de montagem da câmara no pneu e da roda na [...]

    Eu Vou de Bike – Bicicletas, Lazer e Transporte Urbano » Saiba como remendar a câmara da bicicleta euvoudebike.com/2010/08/saiba-como-remendar-a-camara-da-bicicleta
  • Gostei muito das dicas e o bom é que demonstram tudo com vídeo e fotos :D

    Rodrigo
  • vou usar a suas técnicas na próxima limpeza
    tenho uma dúvida óleo singer é bom ou não para correntes de bikes ,segura muitas sujeiras na correntes. um abraço…

    nuno gabriel
  • minha bike é da Houston

    nuno gabriel
  • Adoro peladar e acho muito interessante esse site. Parabéns!!

    FABRICIO
  • Essa matéria me ajudou muito. Comecei a fazer trilha e estava com muita dúvida como cuidar melhor da minha bike, principalmente da limpeza e lubrificaçaõ da corrente. Agora eu sei o que usar e como usar; valeu muito. Aquele abraço e muito obrigado.

    Marconi
  • Olá,faço a limpeza da corrente da seguinte forma:tiro a corrente da catraca e da coroa mas sem remover ela do quadro,deixo no óleo diesel até soltar toda a sujeira bato um jato de água e depois que seco com um pano passo o WD 40,como sempre fiz este procedimento e a vida útil da corrente foi longa e nunca tive problema gostaria de saber se estou fazendo tal procedimento corretamente,desde já agadeço á todos vocês.Abraços!

    Alexandro
  • Muito obrigado…muito útil. Vou seguir as orientações…quem tem, cuida!

    Clodoaldo clmoreyra.blogspot.com
  • Tão importante quanto limpar a corrente e os câmbios é limpar as catracas e as coroas, caso contrário todo o trabalho de pode ir por água a baixo. Se o grupo todo (catracas, coroas, corrente e câmbios) não estiverem limpos por completo, um “ajuda” a sujar o outro.

    Uma boa pedida também é, após a limpeza com o desingripante, lavar o grupo todo com bucha, água e sabão em pó (ou sabão em pedra, ou detergente) para retirar por completo o desingripante. Se não removê-lo, toda a propriedade lubrificando do óleo será anulada pelo desingripante (pois é essa a função dele: remover o óleo).

    Cleverson Sacramento (ZyC) cleversonsacramento.com
  • Prezado colega

    Tenho notado aumento de quadros garfos e rodas de fibra de carbono
    quebrados necessitando de restauração

    Gostaria de comunicar que posso efetuar reparos em produtos de fibra
    de carbono com boas chances de recuperação
    Já efetuei muitos reparos em quadros e rodas inclusive na minha
    Também faço sob encomenda Handbikes especiais

    caso lhe interesse entre em contato

    bikedesign@uol.com.br
    (11) 999222373
    com Prof LEONE FRAGASSI

    LEONE FRAGASSI naumtenho.com
  • ai galera disso n sabia mas\ agora sei e é boa a ideia

    eduardo
  • artigo muito bom!!! Bem completo, Achei o que eu estava procurando. obg ;)

    Antonio Guedes
  • Finalmente vejo uma porra de site que presta.

    Raone
  • Obrigada Marcelo, suas dicas foram ótimas. Eu moro em caragua, na martim de sá. Fica longe do centro, e estava sem oleo lubrificante para a corrente da bike. Sua dica de usar óleo singer foi ótima, pois eu o tinha em casa. valeu! Abraços.

    neusa ferreira face-neusaferreira
  • Acho excelente este site. Ando muito de bicicleta mas não sou muito conhecedor.
    Uma pergunta de amador: se parar algum tempo de andar nela o pneu esvazia sozinho?
    Obrigado

    Mario Vieira
  • Normalmente sim, Mário. Se a bike ficar parada muito tempo, procure movimentar ela para que os pneus não fiquem “viciados” na mesma posição e possam trincar.

    Abs!

    gugamachado
  • [...] vai tornar suas pedaladas mais seguras e silenciosas. O blog “Eu vou de bike” dá o passo a passo para limpar e lubrificar a corrente e indica pano, solução desengripante, óleo próprio para correntes de bicicleta e escova de [...]

    Cuide bem da magrela: dicas para manter a bike em ordem | Morar Kallas morarkallas.com.br/index.php/2013/06/cuide-bem-da-magrela-dicas-para-manter-a-bike-em-ordem
  • tentei arrumar a minha bombo de calibração mais não consegui
    o que faço

    rodrigo
  • Eu faço todo o processo de limpeza, uso jimo desengraxante em spray ai passo uma agua, seco com um pano, passo desengripante, seco de novo, ai espero uma meia hora e lubrifico com vaselina liquida. Não junta sujeira fica sempra limpa( não fica preta) faço toda semana, essa limpeza não levo 10 min. minha corrente esta com 1200km rodados e ainda nem entra a ferramenta de testar folga da corrente.

    francisco M vale
  • Muito bom, gostei das dicas apresentadas aqui, vou colocar em pratica.

    Lucas dos Santos
  • Adorei, estava precisando limpar a minha corrente, valeu Luciano,obrigado

    crisineide
  • Experimentem nossos produtos para linha Bike Care, assistam os vídeos testemunhais acessando http://www.ecoalvo.com.br/videos-bike-care/

    EcoAlvo ecoalvo.com.br
  • Porque os anti gripante alarga as corrente.pois já passei 2x e alargou

    Simone

Comente Você Também

Para publicar seus comentários aqui com seu Avatar, cadastre-se no: