Houston na web Youtube Flickr RSS

Opinião Vou de Bike

Postado em 27 de setembro por eduramires

Começo na BMX e paixão pela MTB

Assim como todo garoto brasileiro, a bola é o primeiro esporte, e quando criança acompanhava meu pai nos campos de várzea, em São Paulo. Para manter o condicionamento físico, meu pai fazia treinos na pista de atletismo do Clube Pinheiros e com isso aprendi a importância do treinamento. Na época, comecei a me interessar pelo motocross, mas como não tinha condições de ter uma moto, a opção foi a bicicleta. Minha base foi toda construída andando e competindo no BMX, modalidade que aconselho a todo garoto que está iniciando no esporte.

O BMX sempre foi dominado pelos americanos. Então, depois de alguns anos competindo no Brasil, tracei o objetivo de competir no exterior para ganhar experiência. Participei de algumas competições, mas como tinha de trabalhar para me sustentar nos EUA, não consegui dar sequência aos campeonatos.

Nunca parei de pedalar e ainda morando nos Estados Unidos vi começar a onda do Mountain Bike, por volta de 1986 e 1987. Acabei me interessando e comprei minha primeira MTB, que na época era uma Peugeot Prestige 18 marchas. Com ela, participei do meu primeiro Mundial, em 1988, em Mammoth Lake, na Califórnia. Depois desta participação, me apaixonei cada vez mais pelo Mountain Bike.

Acabei retornando ao Brasil no final de 1988, depois de quase 4 anos fora. O MTB no Brasil estava só começando, mas minha ideia era treinar que nem louco para voltar aos EUA e compatir novamente no Mundial. Em 1989, com um grande projeto idealizado pelo preparador físico José Rubens Delia, ganhei um acompanhamento digno de atleta profissional, que para a época era coisa rara. O resultado foi que retornei aos EUA e conquistei o Mundial, primeiro título importante para o esporte no Brasil.

A partir daí, o esporte evoluiu bastante e hoje temos um calendário repleto de eventos de bom nível. Eu continuei competindo por mais alguns anos até não dar mais para acompanhar a categoria elite. Então, passei a organizar eventos, trabalho que continuo desenvolvendo, e há quatro anos ocupo o cargo de técnico da Seleção Brasileira de MTB.

A bicicleta continua sendo uma paixão na minha vida. Hoje ainda participo de algumas competições na categoria Master como atleta da Houston. Boas pedaladas a todo!


Comentário

  • Oi Edu, o que quero participar de algumas competições para iniciantes. Quais você sugere?

    Gustavo

Comente Você Também

Para publicar seus comentários aqui com seu Avatar, cadastre-se no: