Houston na web Youtube Flickr RSS

Blog Vou de Bike

Postado em 27 de janeiro por gugamachado

Tags:, ,

Transporte de bikes nos carros

O Contran (Conselho Nacional de Trânsito) publicou no Diário Oficial da União   já a algum tempo uma resolução que regulamenta o transporte das bikes em veículos. Quem deu a dica da notícia foi o José Inácio, lá no Twitter do @euvoudebike.

O transporte da bicicleta em veículos sempre foi uma área meio cinzenta no código de trânsito, sem uma definição específica. Agora, com a normatização do Contran, é possível saber exatamente qual é a regra para transportar sua bike em longas distâncias e na estrada.

A regulamentação publicada no Diário Oficial da União exalta as vantagens proporcionadas pelo uso da bicicleta. O texto diz:

“Considerando a conveniência de atualizar as normas que tratam do transporte de bicicletas nos veículos particulares.

Considerando as vantagens proporcionadas pelo uso da bicicleta ao meio ambiente, à mobilidade e à economia de combustível; resolve:
(…)
Art. 3º – A carga ou a bicicleta deverá estar acondicionada e afixada de modo que:
I- não coloque em perigo as pessoas nem cause danos a propriedades públicas ou privadas, e em especial, não se arraste pela via nem caia sobre esta;
II- não atrapalhe a visibilidade a frente do condutor nem comprometa a estabilidade ou condução do veículo;
III- não provoque ruído nem poeira;
IV- não oculte as luzes, incluídas as luzes de freio e os indicadores de direção e os dispositivos refletores; ressalvada, entretanto, a ocultação da lanterna de freio elevada (categoria S3);
V- não exceda a largura máxima do veículo;
VI- não ultrapasse as dimensões autorizadas para veículos estabelecidas na Resolução CONTRAN nº 210, de 13 de novembro de 2006, que estabelece os limites de pesos e dimensões para veículos que transitam por vias terrestres e dá outras providências, ou Resolução posterior que venha sucedê-la.
VII- todos os acessórios, tais como cabos, correntes, lonas, grades ou redes que sirvam para acondicionar, proteger e fixar a carga deverão estar devidamente ancorados e atender aos requisitos desta Resolução.
VIII- não se sobressaiam ou se projetem além do veículo pela frente.

(…)

Capítulo III
Regras aplicáveis ao transporte de bicicletas na parte externa dos veículos
Art. 8º A bicicleta poderá ser transportada na parte posterior externa ou sobre o teto, desde que fixada em dispositivo apropriado, móvel ou fixo, aplicado diretamente ao veículo ou acoplado ao gancho de reboque.
§ 1º O transporte de bicicletas na caçamba de caminhonetes deverá respeitar o disposto no Capítulo II desta Resolução.
§ 2º Na hipótese da bicicleta ser transportada sobre o teto não se aplica a altura especificada no parágrafo 2º do Artigo 5°.
Art. 9º O dispositivo para transporte de bicicletas para aplicação na parte externa dos veículos deverá ser fornecido com instruções precisas sobre:
I- Forma de instalação, permanente ou temporária, do dispositivo no veículo,
II- Modo de fixação da bicicleta ao dispositivo de transporte;
III- Quantidade máxima de bicicletas transportados, com segurança;
IV- Cuidados de segurança durante o transporte de forma a preservar a segurança do trânsito, do veículo, dos passageiros e de terceiros.

- Leia mais sobre a normatização do transporte de bicicletas em veículos no Observatório Eco

Tendo como base a normatização acima, podemos concluir que o melhor modo de transportar sua bike sobre quatro rodas é por meio da canaleta instalada sobre o carro.

Outro modo muito usado pelos ciclistas –  o rack na traseira dos veículos, pode prejudicar a visão do motorista, obstruir a identificação da placa do carro e ainda exceder a largura do carro. Em breve publicaremos algumas dicas práticas sobre o assunto.

Você tem alguma dica para transportar a bike? Deixe sua opinião nos comentários!


Comentário

  • Complicou… quem tem o transbike como eu, vai ter que abdicar do aparelho???

    Luciana
  • Isso apenas colocou no papel, aquilo que já era cobrado pelos policiais, pena não ter facilitado em nada a vida dos ciclistas.

    Marcelo
  • Costumo transportar bicicletas no teto do carro ou dentro dele (isso é mais complicado). Porém, gostaria de saber se, no caso de transportar em suportes na tampa da mala como “trancaloi” ou aqueles de reboque, seria permitido ao usuário com o auxilio de uma placa reserva e sinalização extra (tipo de carrinhos de reboque). Será que o usuário teria algum problema com isso? Pergunto isso pois penso em levar mais bike no carro. rs…

    Christiano cgoulart.multiply.com
  • O que eu fiz foi mandar fazer uma placa dianteira.
    Coloco a bike no suporte tras e fixo a placa na bike.

    carlos pinto
  • O meu transbike deixa a placa bem visível no meu clio hatch, só excede a largura um pouquinho… http://twitpic.com/1oocg1
    Se olhar bem, acho que não ultrapassa a largura dos retorvisores, daí não sei se enquadra na lei. Vou tentar tirar a roda dianteira e ver como fica, acho que aí cabe.

    Marcelo Lima
  • Eu fiz o mesmo que o Carlos, mandei fazer uma placa reserva e quando coloco minha bike no engate do meu carro, coloco a placa sobre a bike para que fique bem visível. Não sei se há algo que proíba esta ação, porém, nenhum policial me multou por isso e vários já me pararam…

    Clayton cbmtb.com/sp
  • o cap III § 2 diz “na hipótese” não marca como obrigatório o transporte sobre o veículo

    e isso atrapalharia o acesso à garagem, creio (não tenho carro ;)

    José Inácio aitiachica.blogspot.com
  • Alguém poderia me indicar lojas (com preços acessíveis) para transportadores de bikes em veículos ? Tenho uma Ecosport e preciso transportar 4 bikes.

    Agradeço;

    Paulo

    Paulo
  • Oi, Paulo. Então, sendo esta a quantidade de bikes o ideal é transportar três no teto, comprando os racks do tipo “trilho” (melhor custo benefício é da marca equipage. pesquise o melhor preço. geralmente em grandes lojas de acessórios para carro eles costumam ser mais em conta) e uma dentro do carro, rebaixando o banco em 1/3. Tudo depende das bikes. Se forem speeds, acredito até que seja possível transportar as quatro no teto. Se forem mountain bike, devido ao tamanho e o peso, o ideal é dividir o transporte. E no caso do teto, procure inverter o sentido dos racks, para que os guidões não fiquem batendo, ficando frente e traseira das bikes intervaladas. Espero ter ajudado. Qq. coisa, escreva por aqui!
    Abs!

    gugamachado
  • [...] ano passado, o Contran (Conselho Nacional de Trânsito) publicou uma resolução que regulamenta o transporte das bikes em veículos. Tendo como base a normatização, podemos concluir que o melhor modo de transportar [...]

    Eu Vou de Bike – Bicicletas, Lazer e Transporte Urbano » Bicicleta dentro do carro é perigoso euvoudebike.com/2011/01/bicicleta-dentro-do-carro-e-perigoso
  • Para quem transporta a bicicleta na traseira do veículo, vale lembrar que se pode retirar a roda dianteira para que a largura não exceda a largura máxima do veículo.
    Não é aconselhável transportar a bicicleta dentro do veículo, pois em caso de colisão, esta vai atingir os ocupantes e feri-los.

    Rodrigo P.C. rodrigoperigoso.multiply.com
  • [...] a normatização do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), o melhor modo de transportar sua bicicleta sobre quatro rodas é por meio da canaleta instalada [...]

    Eu Vou de Bike – Bicicletas, Lazer e Transporte Urbano » Cuidado com a bicicleta no topo do carro euvoudebike.com/2013/01/cuidado-com-a-bicicleta-no-topo-do-carro
  • se eu criar um transporte fixo de bike, no teto do meu carro (palio weekend )seguindo as normas do contran, estarei fora da lei,lembrando que vou criar e nao comprar pronto.

    dario
  • Minha dúvida é a seguinte, a terceira placa precisa ser lacrada no veículo, pois fiz um terceiro parachoque, com todas as sinalizações, incluindo iluminação pra terceira placa, só que não tem como lacrar essa terceira placa, acredito que estou mais que correto, só que sempre onde eu leio dizem que a terceira placa precisa de lacre, e agora como fico 100% certo??

    Marcos
  • criaram leis para poder multar…onde o interesse é em aparecer a placa para ganhar grana e roubar de nos…cade a segurança nisso…bem mais seguro a bike fixa no porta malas do carro do que solta dentro do carro..isso sim e perigoso

    jao
  • Estou passando pelo mesmo problema das pessoas em relação ao transporte pelo engate. Onde consigo fazer outra placa para o carro?? Já fui parada, tomei uma multa e o policial (claro!!) nao sabia me informar … Fui a ciretrans e lá ninguém sabe tbm.. Alguém me ajuda?
    Obrigada

    Paola Muniz dos reis
  • Só para esclarecer a todos, passei duas semana a fio tentando resolver meu problema com o suporte Thule de engate de reboque, e sabe oque descobri, não é viável ter qualquer suporte de bike que seja engatado no engate de reboque ou que encubra a placa, pois para ter uma placa auxiliar é preciso lacrala, ou seja, você coloca o suporte móvel mas não pode tira-lo nunca mais e nem abrir o porta malas, mas isso pelo CRVA, pois a PRF e a PRE me informaram que uma placa adicional não lacrada é o suficiente, visto que é igual a placa frontal.

    Alberto Radtke albertinho.com.br
  • alguém sabe me informar onde consigo fazer a terceira placa? Estou com grandes dificuldades

    Paulo Henrique
  • A minha dúvida é quanto a 3 placa pode ou não pode da multa ou não

    André
  • Pessoal, vamos lá

    Eu uso o rack na traseira do meu carro a 1 ano e meio e nunca tive qualquer problema com multas.

    Devemos pensar que além das multas, encobrir as luzes do carro pode ocasionar acidentes porque diminui a visibilidade que os outros motoristas terão de você.

    Eu comprei o rack e também o suporte que vem com as luzes de freio, seta, ré e da placa.

    A placa, a própria loja fez na hora e ficou excelente!

    Sobre ter ou não o lacre na placa, como disse nunca fui parado ou multado por isso, outros amigos que não tem as luzes e placa já foram, inclusive está parando e multando até dentro da cidade de SP.

    A loja onde fiz a aquisição de todo o conjunto foi a Auto330 que fica na rua Duque de Caxias em São Paulo – Capital. Toda a parte de instalação elétricca foi feita lá também.

    O que eu acho sobre a lei, é que para aquele cidadão que transporta a bike atrás do carro, sem sinalização alguma, a punição é devida, pois coloca em risco a vida dos outros…

    Para aqueles que transportam a bike com sinalização e com placa, mesmo que sem lacre, a polícia vem usando o bom senso de que pelo menos a bike está bem presa e a sinalização existe.

    Até hoje não tive relatos de ninguém ser multado com esta solução.

    Abs.

    Marcos Nunes
  • Boa noite, pessoal, é muito importante abordarmos o assuno. A lei é falha e complexa no que diz respeito ao fato inevitavel de encobrir parcial ou totalmente a placa traseira do carro. Tramita, ao que sei pela Thule, um pedido de exceção para que possa se usar uma placa traseira no suporte da bike ou numa placa de luzes que é como um engate de reboque, uma sinaleira extra, só que isso ainda não foi regulamentado, poderiam quem sabe apurar sobre isso, pessoal do Blog pois qdo um fiscal pega a bike encobrindo a placa ele obriga a pessoa a tirar a bike dali e colocar dentro do carro de qualquer jeito ou abandonar ali (óbvio que ninguém faz) pois não poderia continuar andando assim (irregular). Já ouvi casos de mandarem voltar, no caso de uma estrada e a pessoa teve a viajem frustrada. A lei diz que se a bike tapa, vc tem que fixar ua outra placa em seu parachoque, com luz tb, e lacrada, do lado direito do parachoque. Ninguém é doido de fazer essa enjambração horrível. Vamos pensar em levar essa discussão adiante, é importante evitaria muitos problemas.

    João
  • Olá?!
    Será que existe uma lista dos suportes de transporte das bike homologado ou mais aceitos e dentro do que diz a lei????
    E quanto aquele que vai no suporte do engate, como resolver o problema da terceira placa???
    Obrigado.

    Eduardo
  • Acredito que a forma mais segura é o transporte de teto. Já usei o transbike (atrás do carro) e ficava com o coração na mão com medo de uma encostada na traseira. Isso porque as sinaleiras ficavam quase totalmente encobertas, juntamente com a placa, aumentando ainda mais o risco. Uso o rack de teto e apesar do aumento do consumo de combustível, acho bem mais seguro, só tem que se ligar na altura pra não enroscar a bike numa árvore, placa, o garagem.

    Marcos
  • como faco para adquirir uma terceira placa

    claudio
  • Hoje fui ao DETRAN tentar colocar a terceira placa no carro, tenho um suporte de placa com a sinalização adicional, porem não consegui a bendita placa, falei até com um dos responsáveis pelo controle de veiculo. A placa tem que ser lacrada, e fixa o que é inviável. Não vejo a solução, suporte de teto no meu caso é completamente inviável já que teria que retirar a bicicleta para poder entrar na garagem de casa cujo o portão é de elevação. Alem de que já tenho o rack traseiro e o suporte para a famigerada placa adicional, o problema esta em conseguir a placa.

    LEANDRO
  • Estou de viagem marcada e pronta p/ a estrada real. so pq passo em duas barreiras da PF.
    Comprei o transbike para porta malas visando evitar constragimentos. So pq ja procurei informações precisas junto ao DETRAN e ate o momento não obtive nenhuma resposta concreta!
    Esse é o Brasil !!!!!

    Allan Henrique
  • Olá pessoal, comprei um suporte da Thule Euro Way G2 923 e quando fui ao DETRAN-SP a surpresa… a Placa tem que ser lacrada no suporte! ou Seja, não posso tirar o suporte nunca mais… Mandei um email para a Thule pedindo explicações, pois eu acredito que estas informações deveriam estar no site. Uma outra coisa que aconteceu que foge do tópico mas acho importante e peço a licença para falar é que o suporte onde fica a roda da frente perto do escapamento derreteu… se alguém tiver algum link sobre isso eu agradeço.

    fabio
  • O CONTRAN age de má-fé ao exigir que seja lacrada a placa que deveria ser retirada juntamente com o suporte, da mesma forma que a Thule ao vender seus produtos de preços exorbitantes, sabendo que não poderá ser usado de acordo com as normas do CONTRAN.

    Pacheco
  • Vou contar minha experiência. Pego estrada para o litoral sul usando frequentemente a Anchieta e a Imigrantes e esporadicamente vou a Mairiporã/Atibaia pela Fernão Dias ambas são policiadas, as duas primeiras pela PMESP e a F.D pela PRF. Transporto 3 bikes 2 – 29″ e 1 – 26 num transbike que vai no porta-malas. Comprei uma sinaleira e adquiri uma placa extra. Fui parado e orientado por ambas forças policiais no que diz respeito a largura no restante tudo correto. Hoje rodo sem as rodas dianteiras e nunca fui altuado. Uma sinaleira vc consegue por uns 150 reais o ocultamento da placa vc pode ficar sem o veículo se não for sanado no local. Complicada essa redação do contran.

    Thiago Dante
  • Olá amantes de bike, todo cuidado em transportar suas bikes com suporte traseiro, tive uma experiência amarga, comprei uma caloi elite 20 e o suporte, pedi para que instalassem pois não tenho experiência ainda dessa modalidade, e não é que o cidadão montou com o pneu dianteiro perto do escapamento…..adivinhem…derreteu. Então fica a dica nunca deixem o pneu na direção do escapamento.

    Eugenio Urbanski
  • Bom dia, Ciclistas.
    Venho a informar que mesmos com a instalação da sinalização luminosa e da placa policial, fomos parados pela “PRF” na volta para casa, onde os mesmos multaram todos os carros que estavam transportando as bikes no transbike do engate, com exigência única do lacre da placa policial.
    Fomos multados em R$ 195,00.
    E agora o que fazer… como poderemos lacrar a placa do transbike, já que o DETRAN não permite o lacramento por ser um equipamento móvel e sem local de fixação.

    bruno
  • Paguei a taxa ontem de Lacração de 2ª placa traseira direto no caixa automático do Bradesco e fui no Detran (Villa-Lobos em SP) para realizar o serviço. A placa é lacrada dentro do porta-malas com o cabo extenso para fixar no reboque toda vez que for utilizar. Taxa de R$ 91,63.

    Rodolfo
  • Eu gostaria de saber se o código de transito proíbe o trasporte de bicicleta no teto do carro no suporte adequedo

    Rosely
  • Boa tarde!
    Então tenho um transporte bike tulle. Onde a fixo no engate de reboque. Este suporte possui sinaleira com sinais de setas para direita, esquerda, luz de freio, ré e local para fixar a placa. Só que o código nacional de trânsito não aceita. Já procurei o DETRAN da minha cidade e não adiantou. Estão fixos na lei onde tem q fixar a placa no veículo. Sendo q o transbike q pouso fica dentro de todas as exigências. Cidade onde moro é Novo Hamburgo/RS. Em fim não sei o que fazer? Vocês teriam alguma informação mais precisa ou nova. No que refere-se a este caso. Aguardo. Att. Magrão.

    Jocelin de O. Loureiro
  • Pessoal, vou contar meu caso tbm , estou muito insatisfeito com a Thule e Dentran

    Comprei um suporte da Thule Rideon p/ 2 bikes, pois tomei multa usando outro suporte que encobria a placa .

    Gastei 1000,00 no Thule, fui ao detran pedir a 3º placa adicional, paguei 101,00 da placa e me fizeram fazer vistoria do carro mais 90,00

    Quando fui lacrar, me deram 2 opções absurdas, furar o parachoque do meu carro em um dos lados para a placa ficar na lateral, e a outra opção colocar um lacre de 3 metros prendendo na carroceria do carro ate o suporte, ae quando não for usar ele, eu coloca todo aquele monte de arame dentro do porta malas com a placa.

    Parece palhaçada isso né, é claro que não aceitei nenhuma dessas opções, ae com muito custo e discussão, me liberaram a placa p mim colocar atras no suporte porém sem lacre.

    Agora fico naquela , gastei 1200 p andar na lei, e no fim das contas to andando irregular, assim fica complicado, a Thule devia alertar isso na hora da compra, e tambem a norma de transito abrir uma excessão p o uso de placas adicionais.

    Vou arriscar rodar com a placa sem lacre e ver o que dá, esse é o BRASIL, vc paga e ainda se ferra .

    Murilo Basso
  • O Conselho Nacional de Trânsito acrescentou algumas regras para o transporte de bicicletas na traseira de carros.

    Resumidamente, eles só acrescentaram a necessidade de você colocar uma régua de sinalização na parte de trás das bicicletas, no caso das lanternas traseiras dos carros ficarem obstruídas pelas bicicletas, assim como a placa. E nessa régua deverá vir uma segunda placa.

    Alguns racks já possuem parte elétrica e já estão de acordo com as novas regras, basta colocar a placa. Os outros, terão de ser adaptados.

    Resolução CONTRAN nº 589/16

    – 588/16 – Altera a Resolução n. 552/15 (amarração no transporte de cargas);

    589/16 – Altera a Resolução n. 349/10 (transporte de carga e bicicleta nas partes externas), passando a exigir, além de segunda placa traseira, quando encoberta, também régua de sinalização se as luzes traseiras estiverem obstruídas.

    Art. 1º O art. 4, da Resolução CONTRAN nº 349, de 17 de maio de 2010, passa a vigorar com a seguinte redação:

    “Art. 4° Nos casos em que o transporte eventual de carga ou de bicicleta resultar no encobrimento, total ou parcial, quer seja da sinalização traseira do veículo, quer seja de sua placa traseira, será obrigatório o uso de régua de sinalização e, respectivamente, de segunda placa traseira de identificação fixada àquela régua ou à estrutura do veículo, conforme figura constante do anexo II desta Resolução.

    •1° Régua de sinalização é o acessório com características físicas e de forma semelhante a um para-choque traseiro, devendo ter no mínimo um metro de largura e no máximo a largura do veículo, excluídos os retrovisores, e possuir sistema de sinalização paralelo, energizado e semelhante em conteúdo, quantidade, finalidade e funcionamento ao do veículo em que for instalado.

    Pessoal vejam não fala nada de lacrar essa terceira placa, ou segunda traseira.
    Nunca fui multado mas a minha placa não é lacrada.

    Antonio
  • §4° A segunda placa de identificação será lacrada no centro da régua
    de sinalização ou na parte estrutural do veículo em que estiver instalada (parachoque
    ou carroceria), devendo ser aposta em local visível na parte direita da
    traseira.

    Diz que o lacre deve estar na regua de sinalizacao ou carro. Na minha leitura o suporte pode ser removido porque o lacre está no sinalizador…

    Hoje indo ao Detran-RJ me disseram que a placa com lacre teria numeração diferente do carro!

    Faz sentido para voces?

    Bruno Lima

Comente Você Também

Para publicar seus comentários aqui com seu Avatar, cadastre-se no: