Houston na web Youtube Flickr RSS

Blog Vou de Bike

Postado em 13 de fevereiro por gugamachado

Tags:, , , ,

Conheçam a LuluFive!


 

Em tempos de empoderamento feminimo (e eu particularmente acho isto incrível, até porquê tenho três filhas!), nada melhor do que um trabalho voltado para estimular e apoiar as mulheres no ciclismo. Pensando nisto, nós tivemos a oportunidade de conversar com a Gisele Gasparotto, sócia fundadora da LuluFive, que gentilmente nos cedeu esta entrevista.

 

Qual o principal objetivo da Lulu Five? 

Transformar vidas através do ciclismo. É essa a missão da LuluFive, principal marca no Brasil que atua junto a mulheres que se interessam pelo esporte em estrada. Focada em ensinar o público feminino a pedalar, manusear e controlar a bicicleta “road”, a LuluFive ainda organiza a participação em competições no País e mundo afora.

Fundada no final de 2016 por Gisele Gasparotto, ciclista profissional desde 2006, a marca propõe Consultoria para Iniciantes no Ciclismo de Estrada através de:

- Treinamento (Técnica e Performance);

- Esmalte & Graxa (aula de mecânica básica);

- Talk & Ride (Workshops de 2 dias de intensivão no ciclismo) fora de São Paulo – capital;

- Training Day (aula técnica na estrada);

- Lulu Travel Experience (LTE) | Viagens para pedalar (Brasil e mundo);

- e Brain Power (comunidade que visa a promover a Educação sobre tópicos off bike).

 

Na opinião de vocês, qual o público que tem adotado a bicicleta como meio de transporte?

Acredito que cada mais mais trabalhadores/executivos que moram entre 5km e 10km do trabalho estejam adotando a bike como meio de transporte, pela facilidade de locomoção, ciclovias , ciclo rotas e ciclofaixas.

 

Falando mais especificamente, o que podemos fazer para aumentar o uso da bicicleta entre as mulheres?

Acredito que a primeira coisa é mostrar que o ciclismo é para qualquer pessoa. Qualquer uma que se dedique, queira e tenha vontade, pode pedalar. Não importa a idade. Esse acolhimento é fundamental para trazer mais mulheres para o ciclismo.

 

O que falta nas grandes cidades brasileiras para terem mais adeptos da bicicleta como meio de transporte?

1. Educação no trânsito

2. Estrutura de ciclovias / ciclorrotas / ciclofaixas

3. Estrutura nas empresas para receber os ciclistas : vestiários, estacionamento de bikes

 

Finalizando, quais são suas dicas para aqueles que adotaram a bicicleta como estilo de vida?

Planejem. Estudem rotas, bikes e equipamentos. Procure ajuda de especialistas se você não se sentir segura (o) para iniciar. E o mais importante: crie o hábito. O começo é difícil, mas, persista no seu objetivo porque a transformação vem e a realização é imensa!



Comentário

  • Amei a entrevista! Eu lembro que andava muito de bicicleta no interior com meus primos, vai ficar na memória. Agora na correria do dia a dia, além de já fazer squat (agachamento) e musculação, desejo muito voltar a andar de bicicleta.

    Carol academiasemsantoandre.com

Comente Você Também

Para publicar seus comentários aqui com seu Avatar, cadastre-se no: