Houston na web Youtube Flickr RSS

Blog Vou de Bike

Postado em 25 de setembro por gugamachado

Tags:, , , ,

A Revolução das bicicletas elétricas! (pt1)

 

 

A gente já trata das bikes elétricas há algum tempo. Você pode ver aqui. Porém, ultimamente muita coisa mudou, inclusive a legislação vigente, contribuindo muito para o aumento no uso deste modal.

Nesta série de posts que iniciamos hoje, baseado num documento super completo e bem feito divulgado recentemente pela Aliança Bike, nosso objetivo é falar sobre a legislação atual, sobre a diferenciação entre bicicletas elétricas e ciclomotores (uma confusão muito comum neste novo mundo), as principais vantagens e desvantagens neste modal, e qual o status atual da bicicleta elétrica no Brasil e no mundo!

Assim, o que define hoje uma bicicleta elétrica?

A bicicleta elétrica é um assunto e um produto em franca evolução e mutação. Sentimos que o mundo todo ainda “engatinha” nesta matéria! Pra ter uma idéia, até 2013 o Brasil sequer tinha uma legislação que diferenciava bicicleta elétrica de ciclomotor!

Dito isto, as principais características das bicicletas elétricas, também conhecidas como pedelecs, foram incorporadas na resolução 465 de 2013 do Contran (Conselho Nacional de Transito), que equipara a bicicleta dotada de motor elétrico auxiliar `as bicicletas de propulsão humana, desde que garantidas as seguintes condições:

- motor com limite de potência máxima de 350 Watts, que só poderá funcionar quando o condutor estiver pedalando e não poderá haver acelerador e a velocidade máxima alcançável deverá ser de, no máximo, 25 Km/h. Um dispositivo de controle de velocidade deverá reduzir a alimentação elétrica do motor progressivamente até cortá-la totalmente quando a velocidade da bicicleta atingir 25 Km/h e um sensor de esforço deverá perceber quando o ciclista deixar de pedalar e também cortar a alimentação elétrica do motor.

Adicionalmente a isso, as bicicletas elétricas deverão ser dotadas de indicador de velocidade, campainha, sinalização noturna dianteira, traseira e lateral, espelhos retrovisores em ambos os lados e pneus em condições mínimas de segurança. Ficou regulamentada também a obrigatoriedade do uso de capacete de ciclista.

Demais veículos elétricos que “fujam” destas características, serão considerados ciclomotores, categoria prevista no Código Brasileiro de Trânsito, onde, desde 2015, para ser conduzido deve ter: emplacamento, condutor munido de CNH nas categorias A ou ACC, ter Certificado de Registro e Licenciamento (CRLV), pagar o DPVAT (seguro obrigatório) e ter no mínimo 18 anos de idade.

Para facilitar, veja abaixo a tabela que a Aliança Bike, na figura de seu coordenador geral, Daniel Guth, gentilmente nos cedeu:

No próximo post vamos falar das vantagens e desvantagens das bicicletas elétricas.

Até lá!

 


Postado em 20 de setembro por gugamachado

Tags:, , ,

Participe do Dia Mundial Sem Carro! Vá de Bike!

Neste próximo sábado é o Dia Mundial Sem Carro! Aqui em São Paulo, é o décimo terceiro ano consecutivo que a data é comemorada, mas esse dia já marca o calendário de muitas cidades e países desde 1998.

A campanha do Dia Mundial Sem Carro nasceu na França, em 1998, com apenas 35 cidades participantes. Em 2000, outros países da Europa passaram a adotar a data e o manifesto tomou força. O movimento chegou ao Brasil em 2001, com a participação de 11 cidades. Em 2004, mais de 1.500 cidades participaram da ação, distribuídas em 40 países!

O Dia Mundial Sem Carro tem como objetivo mostrar que é possível ter uma vida normal na cidade grande sem o uso do seu veículo. Ônibus, metrô e as bicicletas, é claro, são ótimas alternativas para locomoção.

Nos últimos anos, temos assistido a uma mobilização cada vez maior da sociedade no sentido de considerar a bicicleta como meio de transporte sério e viável, inclusive pelo próprio esgotamento do modelo de transporte atual, completamente centralizado nos carros.

E não é tão complicado sair pedalando no seu cotidiano. Aqui no EVDB, já demos várias dicas de segurança e comportamento no trânsito para quem nunca pedalou nas ruas e quer começar a substituir o veículo por um meio de locomoção mais econômico, menos poluente, mais ágil e muito, mas muito mais saudável!

Veja abaixo algumas dicas para deixar o carro na garagem e começar a pedalar!

A decisão de trocar o carro pela bike não é tão difícil quanto parece

Dicas de comportamento e sinalização para quem pedala no trânsito

- Dicas para pedalar no frio

- Veja como integrar a bicicleta a outros meios de transporte

- Saiba como pedalar com segurança durante a noite

-Veja dicas para trocar o pneu furado da bicicleta


Postado em 18 de setembro por gugamachado

Tags:, ,

Como Fazer uma Viagem Incrível de Bicicleta!

 

Aproveitando este período de férias que se inicia, publicamos aqui um infográfico que o pessoal da  Net tv gentilmente nos cedeu. Está bem legal! Esperamos que aproveitem!

 

 


Postado em 13 de setembro por gugamachado

Tags:, , ,

É neste final de semana!!! Shimano Fest no Memorial da América Latina!

Evento terá diversas atividades no sábado e domingo (15 e 16), como competições e testes de bike, área para crianças e mulheres, shows de música, palestras e exposição e vendas de produtos de mais de 200 marcas!

São Paulo (SP) - Conhecida por muitos como a Terra da Garoa, São Paulo é o principal centro financeiro da América do Sul e cidade mais populosa do continente. Nos dias 15 e 16 de setembro, ganha pelo quarto ano seguido uma atração imperdível de entretenimento, não somente para os seus moradores, como também para os visitantes, o que por alguns dias a faz mudar um pouco o seu perfil tradicionalmente sisudo. Trata-se da nona edição do Festival da Bicicleta, o Shimano Fest 2018, com entrada gratuita nos dois dias do fim de semana. Centro cultural, político e de lazer, o Memorial da América Latina é um dos cartões postais do município e foi escolhido pela organização como palco do evento.

“A realização do Shimano Fest pela primeira vez no Memorial da América Latina é especial para nós, porque une um dos pontos turísticos da cidade a bicicleta. A bike é um objeto transformador, seja em termos de saúde das pessoas, que encontram nela um hábito esportivo ou de lazer, como em mobilidade urbana, uma excelente alternativa para o trânsito carregado das grandes cidades do Brasil e do mundo”, conta Paulo Boldrin, da área de marketing da Shimano e coordenador do Festival da Bicicleta. “O local possui fácil acesso pela ciclovia da Avenida Auro Soares de Moura Andrade ou então pelo Metrô Palmeiras – Barra Funda, na linha vermelha (L2), que faz a ligação entre as zonas oeste e leste de São Paulo”, completa.

Assim como nas temporadas anteriores, o Shimano Fest tem como destaque a interatividade entre o público e as marcas, cerca de 200 do mercado de bike estão confirmadas. São esperados 30 mil visitantes, que na área de exposição vão conhecer as principais novidades de 2019 do setor. No test-ride, poderão pedalar diferentes tipos de bicicletas, mountain bikes, urbanas, bikes elétricas (e-bikes) e tradicionais. Nas demais arenas do evento, atrações para todos os gostos e idades. Famílias, amigos e entusiastas do ciclismo tem no Festival o cenário perfeito para se divertir e entreter-se.


Pedal Inclusivo - O Pedal Inclusivo é uma das atrações do Shimano Fest, no sábado das 10h às 15h. Com apoio da entidade Laramara - Associação de Assistência ao Deficiente Visual e da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência,  a ação possibilita a pessoas com deficiências (visual, auditiva, de mobilidade etc) a oportunidade de andar de bicicleta. A ação é oferecida pela empresa Bikxi, aplicativo de bike carona que utiliza bicicletas tandem (para 2 pessoas pedalarem). O passeio de bicicleta do Pedal Inclusivo acontece na área de test-ride do evento. Para participar, basta o interessado dirigir-se à tenda do Pedal Inclusivo – Bikxi onde será cadastrado e poderá fazer o passeio gratuitamente. O Festival terá monitores para auxiliar pessoas com necessidades especiais guiando-as até o local da ação, contando com apoio da Prefeitura de São Paulo – Secretaria da Pessoa Com Deficiência.

O Shimano Fest marca a abertura da Semana da Mobilidade 2018 e duas palestras focando pessoas com necessidades estão marcadas para o sábado, na Arena Mobilidade: às 12h, Tomás Bueno (Canal Youtube Vida Adaptada) falará sobre sua iniciativa de fazer vídeos para incentivar pessoas com deficiências a praticarem atividades físicas. Tomás perdeu os movimentos de um dos braços mas continua a praticar ciclismo; às 12h15, Rodrigo Melo (deficiente visual) vai contar do seu projeto no interior de São Paulo: Deficientes Visuais e a Bicicleta.

Demais áreas e atividades - Área que atrai centenas de pessoas para o seu entorno, o Bike Competition terá a disputa do Mountain Bike Short Track (XCC) durante todo o sábado (15), nas categorias super elite feminina e masculina. Os melhores ciclistas do País competirão no XCC, na primeira prova de MTB dentro do Memorial.  O Espaço Mulher terá diversas atrações como a oficina mecânica, palestras, massagem, aulas de funcional, entre outras ativações, aproveitando o crescimento do ciclismo feminino.

Na Arena Kids, com o realização da SP Hawks Eventos, estão confirmadas várias atrações: Tira Rodinhas, onde a criançada dá suas primeiras pedaladas sem as rodinhas; o Pump Track, pista com rampas e elevações; Desafio Balance Bike, com um pequeno circuito com obstáculos e Desafio Shimano Sem Corrente, em que competidores não podem pedalar nem tocar os pés no chão. Tudo gratuitamente, basta se inscrever na hora no local.

Esse ano a área de mobilidade e sustentabilidade do Shimano Fest vai apresentar, além de palestras e debates, uma mostra de projetos de Mobilidade por Bicicleta. Os projetos selecionados para apresentação no sábado, ganharão Mentoria gratuita da Eureka Coworking durante seis meses. A CET SP também estará presente para interagir com o público e apresentar o projeto do novo plano cicloviário para São Paulo.

Bike Show – Rock’n Roll combina com bike: quatro bandas animarão os visitantes nos dois dias de festival. Sábado (15), tocam as bandas de pop rock, 53×11 (covers de Red Hot Chilli Peppers, Greenday, Stone Temple Pilots etc) e Remove Silence (banda do Danilo Carpigiani, marido Luka Salomão da Rádio Rock 89FM), às 15h e 18h45, respectivamente. No domingo (16) é a vez da ‘Amoradia do Som’, vencedora do festival de música “Groove – Sons da Paulista” em 2017, às 10h, e Sinfonia Rock (covers de hard rock), às 15h45. O tradicional Taiko, com os tambores japoneses, também está confirmada no domingo às 12h30.

Radicalidade - No Bike Radical, as tradicionais atrações serão as manobras e saltos radicais do BMX Dirt Jump com apresentação do fera Leandro Moreira, o “Overall”; o BMX Flatland, commanobras criativas no plano; e o Bike Trial, onde o importante é a habilidade para transpor todo tipo de obstáculo, sem sair de cima da bike e sem colocar os pés no chão.

Serviço – Shimano Fest 2018


Quando: 14 a 16 de setembro, sendo que na Sexta-feira (14) será exclusivo para imprensa, lojistas e profissionais do setor – 10h às 20h. No sábado (15): Festival aberto ao público – 10h às 20h. e No domingo (16): Festival aberto ao público – 10h às 17h.
Onde: Memorial da América Latina
Rua Tagipuru – Portão 02 – Barra Funda – São Paulo (SP)
Bicicletário: 1.000 vagas (rotativo)
Como: entrada gratuita – Contribua com 1 kg de alimento não perecível, que será doado para instituições filantrópicas.


Postado em 16 de agosto por gugamachado

Tags:, , ,

Audax Party reúne grandes nomes do Mountain Bike brasileiro!

Rever amigos, bater um papo e descontrair são os principais ingredientes que a Audax Party compõe em seu cardápio. Em sua segunda edição, o evento mostrou ser um sucesso por reunir não apenas atletas, mas também profissionais do mercado e a imprensa.

Este ano a festa ocorre na noite do sábado (25), no stand B2B da Audax, durante o Festival Bike Brasil. “Fizemos a primeira edição em 2017 e foi um momento onde pudemos reunir muitas pessoas, além de poder prestigiar os atletas do projeto Audax Revenda, que na época eram 30 e este ano cresceu para quase 70 atletas. Este será como um bom happy hour, regado a muita música, chopp e boas companhias”, diz o gerente de marketing da Audax, Paulo Rubens.

Não apenas com o lançamento da Audax Party, 2017 também contou com a grande atração da estreia de sua embaixadora, a militar Renata Espíndola. A atleta está completando um ano de Audax e expressou em entrevista estar bastante animada, principalmente para encontrar seus seguidores no evento deste ano.

“Estou muito ansiosa e espero que seja uma cerimônia maravilhosa como foi o ano passado. Agora além de embaixadora, também vou estar lá também como Atleta Audax e estou muito feliz com a oportunidade de interagir com meus seguidores, que pretendem ir ao festival para poder me ver, assim como toda a Equipe Audax” finaliza a atleta.

Além disso, os convidados também têm a chance de conhecer toda o time Audax FSA, que compõe renomados nomes do MTB, como os líderes do ranking brasileiro, Letícia Cândido e Lúcio Otávio, somando ainda Gustavo Xavier, Daniel Zóia, Bruno Paim e André Aikawa completando o time de campeões.


Postado em 9 de agosto por gugamachado

Tags:, , , , ,

Cyclocross incrementa provas da CIMTB Levorin em audacioso desafio!

Nós aqui do EVDB adoramos cyclocross e já tivemos várias oportunidades de andar nesta modalidade! Veja aqui e aqui.

Unir o Speed com o Mountain Bike e desafiar-se contra o tempo. O Cyclocross vem ganhando cada vez mais adeptos no Brasil por oferecer o melhor dos dois mundos, instigando o ciclista a experiência de pedalar com velocidade entre terrenos técnicos e planos.

Desafio Audax Cyclocross tornou-se uma das grandes atrações na Copa Internacional Levorin de Mountain Bike (CIMTB Levorin), chegando à sua terceira edição na terceira etapa da Copa, que acontece nos dias 24 a 26 de agosto, durante o Festival Bike Brasil, em São Paulo. A prova conta com um circuito de 20 minutos mais uma volta, onde o competidor enfrenta uma pista exclusiva com terrenos de difícil transposição como areia, lama e outros obstáculos artificiais.

Teste seus limites!

Seja profissional ou amador, experiente na modalidade ou não, todos podem participar da competição que dá direito a prêmios aos três primeiros colocados. Para inscrever-se, basta acessar o site da CIMTB Levorin até o dia 20 de agosto. Além disso, a Audax dispõe de 10 bicicletas para empréstimo, em um sorteio onde os ganhadores poderão desfrutar de todo o desempenho de uma Flanders Cyclocross. O sorteio acontece no perfil da Audax no instagram (@audaxbike), a partir do dia 10 de agosto, com resultado no dia 12.

Topa o Desafio?


Postado em 2 de agosto por gugamachado

Tags:, ,

Audax realiza sorteio para levar amantes do ciclismo ao Festival Bike Brasil!!!

 

Seja atleta, profissional do setor, fã do ciclismo ou ciclista de passeio. Se você também é louco por bicicletas, fique atento! A marca de bikes oficial do Festival Bike Brasil pode levar você e um acompanhante para o maior festival de bicicletas da América Latina, com tudo pago.

Este é o sorteio #MELEVAAUDAX, que está circulando no perfil da marca (@audaxbike) no instagram, desde o início de julho. O ganhador pode escolher um acompanhante e ambos terão direito a passagens até São Paulo (ida e volta), com hospedagem, alimentação, translado, entrada liberada para todas as áreas do festival e convite VIP para a Audax Party, realizada no segundo dia do evento.

Para participar é muito fácil, basta seguir as regras publicadas na imagem oficial da Audax no instagram. O Sorteio é válido em todo o território brasileiro e o resultado será divulgado no dia 06/08/18, na rede social.

Performance, atrações e adrenalina

Este ano o Festival Bike Brasil ocorre entre os dias 24 a 26 de agosto, no Centro de Exposição São Paulo Expo. Além da feira, exposições e teste ride com as maiores marcas e produtos do mercado, o evento também é sede da 3ª Etapa da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike (CIMTB Levorin), competição que soma pontos para o ranking brasileiro e internacional (UCI). Dentre as provas, acontece também o Desafio Audax Cyclocross/Gravel, que proporciona aos competidores a chance de pedalar uma Audax Cyclocross em um divertido e audacioso desafio.

Não fique de fora desse mega Festival e garanta sua chance de curtir em ótima companhia!


Postado em 12 de julho por gugamachado

Tags:, ,

Transporte de bikes nos carros

O Contran (Conselho Nacional de Trânsito) publicou no Diário Oficial da União   já a algum tempo uma resolução que regulamenta o transporte das bikes em veículos. Quem deu a dica da notícia foi o José Inácio, lá no Twitter do @euvoudebike.

O transporte da bicicleta em veículos sempre foi uma área meio cinzenta no código de trânsito, sem uma definição específica. Agora, com a normatização do Contran, é possível saber exatamente qual é a regra para transportar sua bike em longas distâncias e na estrada.

A regulamentação publicada no Diário Oficial da União exalta as vantagens proporcionadas pelo uso da bicicleta. O texto diz:

“Considerando a conveniência de atualizar as normas que tratam do transporte de bicicletas nos veículos particulares.

Considerando as vantagens proporcionadas pelo uso da bicicleta ao meio ambiente, à mobilidade e à economia de combustível; resolve:
(…)
Art. 3º – A carga ou a bicicleta deverá estar acondicionada e afixada de modo que:
I- não coloque em perigo as pessoas nem cause danos a propriedades públicas ou privadas, e em especial, não se arraste pela via nem caia sobre esta;
II- não atrapalhe a visibilidade a frente do condutor nem comprometa a estabilidade ou condução do veículo;
III- não provoque ruído nem poeira;
IV- não oculte as luzes, incluídas as luzes de freio e os indicadores de direção e os dispositivos refletores; ressalvada, entretanto, a ocultação da lanterna de freio elevada (categoria S3);
V- não exceda a largura máxima do veículo;
VI- não ultrapasse as dimensões autorizadas para veículos estabelecidas na Resolução CONTRAN nº 210, de 13 de novembro de 2006, que estabelece os limites de pesos e dimensões para veículos que transitam por vias terrestres e dá outras providências, ou Resolução posterior que venha sucedê-la.
VII- todos os acessórios, tais como cabos, correntes, lonas, grades ou redes que sirvam para acondicionar, proteger e fixar a carga deverão estar devidamente ancorados e atender aos requisitos desta Resolução.
VIII- não se sobressaiam ou se projetem além do veículo pela frente.

(…)

Capítulo III
Regras aplicáveis ao transporte de bicicletas na parte externa dos veículos
Art. 8º A bicicleta poderá ser transportada na parte posterior externa ou sobre o teto, desde que fixada em dispositivo apropriado, móvel ou fixo, aplicado diretamente ao veículo ou acoplado ao gancho de reboque.
§ 1º O transporte de bicicletas na caçamba de caminhonetes deverá respeitar o disposto no Capítulo II desta Resolução.
§ 2º Na hipótese da bicicleta ser transportada sobre o teto não se aplica a altura especificada no parágrafo 2º do Artigo 5°.
Art. 9º O dispositivo para transporte de bicicletas para aplicação na parte externa dos veículos deverá ser fornecido com instruções precisas sobre:
I- Forma de instalação, permanente ou temporária, do dispositivo no veículo,
II- Modo de fixação da bicicleta ao dispositivo de transporte;
III- Quantidade máxima de bicicletas transportados, com segurança;
IV- Cuidados de segurança durante o transporte de forma a preservar a segurança do trânsito, do veículo, dos passageiros e de terceiros.

- Leia mais sobre a normatização do transporte de bicicletas em veículos no Observatório Eco

Tendo como base a normatização acima, podemos concluir que o melhor modo de transportar sua bike sobre quatro rodas é por meio da canaleta instalada sobre o carro.

Outro modo muito usado pelos ciclistas –  o rack na traseira dos veículos, pode prejudicar a visão do motorista, obstruir a identificação da placa do carro e ainda exceder a largura do carro. Em breve publicaremos algumas dicas práticas sobre o assunto.

Você tem alguma dica para transportar a bike? Deixe sua opinião nos comentários!


Postado em 21 de junho por gugamachado

Tags:, ,

Audax é patrocinadora ouro do Festival Bike Brasil!

O maior festival de bicicletas da América Latina fecha, pelo segundo ano consecutivo, mais uma parceria com a Audax. A marca é a única no segmento de bicicletas que está patrocinando o encontro que acontece de 24 a 26 de agosto, no Centro de Exposição São Paulo Expo.

Com uma megaestrutura, o espetáculo ficará por conta das marcas Audax e Dax que realizarão exposições, lançamentos, além do teste ride com pista ampliada e a 2º edição da Audax Party, finalizando o último dia do encontro. A expectativa é de que o público alcance em torno de 20 mil pessoas durante os três dias de evento e que este será ainda maior e com mais atrações, tanto para profissionais do setor, quanto para consumidores finais.

Para o diretor de portfólio da Bike Brasil, Diego Carvalho, a parceria com a Audax dissemina novas possibilidades para o festival. “É um prazer enorme ter a Audax mais uma vez como nosso parceiro e patrocinador ouro, que aposta nas nossas ideias e auxilia em todo o processo. Na edição de 2017 fizemos muitas ações juntos e foi muito interessante. Este ano a ideia é ampliar nosso leque de projetos, como a pista de Cyclocross. O apoio e o auxílio da equipe da Audax, com certeza, contribuem para o sucesso do evento” comenta o diretor.

Novidade na feira em 2017, a Dax (autorizado Brasil das marcas Fox, Prólogo, Jawwire, ADX, FSA, Vision, TRP e Marzocchi) promete agitar o mundo do Mountain Bike. O gerente de marcas, Fábio Bertini, garante que esta edição dará mais oportunidades ao público de apreciar a marca.

“Com o novo pavilhão, mais próximo para os profissionais do setor, vai proporcionar um melhor fluxo de pessoas e essa proximidade vai ajudar bastante o público. Este ano teremos uma nova abordagem de exposição e levaremos os lançamentos das marcas autorizadas, como novos modelos direcionados para diversas modalidades do ciclismo”, revela Fábio.

Além disso, a Bike Brasil irá sediar a terceira etapa da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike (CIMTB LEVORIN), onde espera mais de 500 atletas competindo pela liderança. Aqui a novidade é o Desafio Audax Cyclocross/Gravel (CX), que se tornou um sucesso na CIMTB Levorin. Junto com toda a linha Audax em exposição, os competidores poderão sentir a potência da linha Flanders, que serão disponibilizadas para o Desafio.

O Gerente de Marketing da Audax, Paulo Rubens acredita que este ano a organização da feira estará bem estruturada e que esta pode ser uma das maiores do mundo.

“A Bike Brasil é a confirmação de que a Audax investe e aposta na confraternização de grandes marcas, onde o consumidor pode conhecer os lançamentos e novas tecnologias que estamos trazendo para o Brasil, além de proporcionar a possibilidade para os visitantes sentirem a emoção de testar bikes e assistir os maiores pilotos de MTB disputarem o título da CIMTB Levorin. Com as mudanças implementadas na estrutura da feira e a participação de novos players do mercado de bikes, temos a convicção que o festival terá uma visitação e um volume de negócio muito superior aos anos anteriores”, declara Paulo.


Postado em 13 de junho por gugamachado

Tags:, , , , ,

10 Razões para tirar uma semana de folga dos treinos!

Quando estamos bem condicionados, ninguém gosta de interromper seus treinos, seja qual for o motivo. Porém, hoje em dia sabemos que este “break” pode na verdade dar um “boost” no seu progresso geral!

A idéia de ficar bem condicionado encostando a bike, guardando o seu tênis, ou mesmo deixando a poeira se acumular em seu tapete de yoga, pode parecer loucura, mas ter um tempo longe dos exercícios que você ama realmente pode torná-lo melhor, mais rápido, mais forte e mais feliz a longo prazo. Aqui estão 10 das principais razões para tirar um tempo de folga dos exercícios:

Dedique tempo para diminuir o seu estresse

Mesmo que você ame o seu treino, encaixá-lo em sua agenda diária significa ter menos tempo para lidar com outras responsabilidades que certamente você tem no seu dia-a-dia. E isto pode levar ao estresse, quer você perceba ou não. A consultora de desempenho mental Danelle Kabush, uma ex-atleta da categoria “pro” das corridas  ”Xterra”, diz que “muitas vezes vê clientes estressados com estes desequilíbrios em suas vidas. Tome esta semana livre de exercício para se concentrar em outras áreas de sua vida (como família, trabalho e atividades domésticas) que você pode estar ter deixando escapar,” ela aconselha.

Atualize seu sono

Use as horas que você normalmente gastaria em seus treinos para recuperar seu sono atrasado nesta semana sem treinos. Um estudo mostra que se você está constantemente tendo apenas seis horas de sono por noite, você está funcionando tão mal como alguém que não tenha conseguido dormir por duas noites consecutivas, mesmo se você estiver sentindo-se bem. Teste a teoria: Se você costuma dormir seis horas por noite e se exercitar por uma hora no dia, acrescente esta uma hora de exercício ao sono, dormindo sete horas por noite. E depois que retornar a sua rotina de treinos, identifique maneiras de acrescentar esta uma hora a mais de sono de maneira definitiva ao seu cotidiano.

Evite o famoso “Burnout Workout”

Se você curte ciclismo, spinnig, ou CrossFit, ao realizar sempre a mesma atividade mais e mais você pode começar a sentir-se enjoado, se você não “tomar um ar” de vez em quando. Mesmo se você ama seu esporte, parar por alguns dias só vai fazer seu retorno parecer melhor. “Você se lembra por que você ama algo quando não pode fazê-lo”! Diz Kabush.

Alongue-se

Tome esta semana para encontrar mais equilíbrio em sua vida e seus músculos! Alongue-se de forma a sentir aquele músculo escondido que você nunca havia sentido. Você pode fazer isto sozinho, ou através de uma massagem especial orientada neste sentido. Você pode inclusive fazer algumas aulas de yoga suave, ou até uma  sessão de meditação guiada. Ou seja, faça alguma coisa boa para seu corpo!

Seu cérebro precisa de uma pausa

Exercício físico pode ser a sua liberação do stress, mas ainda assim cobra um preço da sua mente! Especialmente se você está fazendo um treino intervalado ou trabalhando para dominar habilidades técnicas para um esporte específico, explica Kabush. Além disso, uma semana de folga destes treinos pode dar-lhe tempo para digerir o que você aprendeu de forma a abordar as coisas de maneira mais “fresca” quando você voltar a  treinar; pense nisso como dormir com um problema e acordar com uma mente mais calma e com uma solução razoável, diz fisioterapeuta e treinador de ciclismo Peter Glassford.

Evite o “Overtraining”

Alguns de vocês podem estar familiarizados com a síndrome de “overtraining”, que se desenvolve a partir de um treinamento muito pesado ao longo muito tempo, deixando-o fatigado, deprimido e cansado. Uma semana de recuperação dedicada pode salvá-lo do longo período de descanso que você vai, eventualmente, ter que enfrentar, se você entrar em um estado de  ”overtrained”. Uma vez que você tenha um diagnóstico sério de “overtraining”, pode levar meses ou anos longe de exercício para ficar totalmente recuperado. Dito isto, esta semana de “folga” fica bem menor, não é?

Fique forte!

Fisioculturistas têm um ditado: “Você não consegue levantar pesos mais fortes, você fica mais forte se recuperando de levantar pesos mais fortes.” Seu corpo precisa deste tempo de repouso para reconstruir e deixar que as adaptações de seu treinamento ocorram – por isso não se surpreenda se a sua semana de folga te fizer mais forte e mais capaz de subir seu nível de treinamento. “Curiosamente, eu vejo um monte de recordes pessoais após os meus atletas descansarem mais tempo. Muitas vezes, inclusive, mais tempo do que eles próprios  gostariam”, diz Glassford. Você ficará surpreso com o que seu corpo pode fazer quando não está tentando se recuperar.

Aborde as pequenas coisas

A maioria dos atletas tem dores incômodas, de joelhos ruins as quadris doloridos, ou uma “fisgada” na parte inferior das costas. Use esta semana de folga dos treinos para procurar aconselhamento especializado de um médico, quiroprático ou fisioterapeuta. Você também pode usar esta semana para olhar criticamente para a sua alimentação, registrando as suas refeições para se certificar de que você está recebendo bastante proteína, comer seus legumes, e ingerir a quantidade certa de gorduras saudáveis. Enquanto você está nisto, faça uma avaliação sincera de como está a progressão de sua rotina de treinos, converse com o seu treinador se tiver um, investigue se há algum ajuste que você gostaria de realizar ou quaisquer novas metas ou provas que você deseja adicionar ao seu calendário de treinos.

E, finalmente, entre em alguma “terapia de compra”: Se o seu equipamento de treino está ficando desgastado ou obsoleto, passar algum tempo substituindo este equipamento vai te motivar a utilizá-lo em seu retorno! Nada melhor do que um tênis novo, ou um novo frequencímetro (atualmente tem muitos modelos de “smartwatches ” bem interessantes) para nos motivar!

Renove sua motivação

Você se sente mal-humorado quando vai a academia no final de tarde? Irritabilidade é muitas vezes um dos primeiros indicadores de que você está treinando muito. É por isso que este é um dos principais testes de overtraining no questionário Hooper MacKinnon  para atletas, comumente utilizados durante os períodos  de treinamento de elite. Tire um tempo para perguntar a si mesmo, em uma escala de 1 a 7, como seu nível de irritabilidade está, sugeriu Glassford. Quando você sentí-la subir e ficar lá em cima, talvez seja tempo para uma semana de descanso. O tempo fora deve ajudar a aliviar o seu mau humor, ou pelo menos dar-lhe o tempo livre para chegar à raiz de por que você está se sentindo assim.

Mude suas expectativas

Esta semana pode ajudá-lo a sair de seu próprio modo, em termos de seus objetivos de desempenho. Se você não está atingindo seus objetivos, seja em uma sessão de treinamento em grupo ou uma competição, um bloqueio mental pode estar te segurando, diz Kabush. Mas se você está “fresquinho” a partir de uma semana de folga, pode ser mais fácil de entrar em grande forma e  obter um ótimo resultado, mesmo se você não está esperando por ele!



Anterior Próxima